Dobra no blog da Alster - Transformamos o esporte a partir da colaboração

REINVENÇÃO OU ADAPTAÇÃO?

Se você ainda não leu os outros textos da dobra aqui no blog, recomendo que leiam antes de continuar a leitura deste, pois acredito que fará muito mais sentido. Vc pode entrar os textos aqui:

Por que abrimos os moldes da Dobra de graça na internet?

A gente sempre quis mudar o mundo!

 

Desde o dia 17/03/2020, dia em que o covid19 passou oficialmente a alterar nossa rotina aqui na Dobra – lembrando que estamos numa cidade de 60 mil habitantes no interior do Rio Grande do Sul – planejar nas reuniões diárias os passos futuros significa entender o que faremos durante o dia e, no máximo, como vai ser a semana. Obviamente tem sido um período muito difícil pra todos nós e diversos conflitos surgem a partir desse novo jeito de trabalhar. Fazer o alinhamento, organizar as tarefas de cada um, ter movimentos rápidos e diversas outras coisas que são necessárias para o andamento na empresa provam na gente sensações estranhas.

 

a Dobra sempre teve o propósito de deixar o mundo um lugar mais aberto, irreverente e do bem e até o covid19 nossa principal ferramenta para isso eram os produtos (carteiras, acessórios, camisetas, bags e tênis, todos de tyvek). a maneira da dobra entregar valor para as pessoas era produzindo esses itens sob demanda, cuidando de toda a experiência de consumo do cliente e garantindo que chegasse dentro do prazo e a usabilidade fosse a melhor possível.

 

Somos entre 19 pessoas na empresa, sem chefe (ou melhor, tendo o Batman como único chefe) e tentando implementar autogestão tendo alinhamento e autonomia como princípios importantíssimos para o bom funcionamento. Os horários sempre foram flexíveis, o ambiente super descontraído, a remuneração igual para todos (isso é polêmico, eu sei, mas tem funcionado até aqui e já estamos criando um novo modelo), os times bem organizados, rituais mensais e semanais, comemorações, etc. tudo isso com o mais importante: o entendimento claro do por quê a Dobra existe: para deixar o mundo mais aberto, irreverente e do bem.

 

Resumão, só pra deixar claro: somos uma empresa que se baseia nos conceitos do capitalismo consciente, ou seja, entendemos que o lucro é consequência de um trabalho de impacto (social, ambiental e econômico) bem feito, que deixa o mundo mais aberto, irreverente e do bem, vendendo experiência de consumo através de produtos de tyvek. Os produtos são os meios para atingir o propósito. Ou melhor, eram.

 

Como assim eram? Num momento de pandemia global em que não fazemos ideia de como vai ser o futuro, os itens de desejo passam a ser os últimos na lista de prioridades e com isso o consumo passar a ser muito baixo. Com isso, entendemos que precisávamos encontrar outra maneira de entregar valor para as pessoas. Essa maneira passou a ser o Dobraflix . fizemos um post explicando de maneira detalhada no nosso instagram.

 

Em resumo: passamos a ser um hub de conteúdo online, com vídeos divertidos e vídeos relevantes de conhecimento da própria dobra, com nosso curso disponível de maneira gratuita, e também de diversos parceiros como Alster, WTF! School, Murilo Gun, Aeroli.To, Escola Conquer e outros.

 

Nos reinventamos. Mas será que reinvenção é a palavra certa? Eu diria que nos adaptamos! Continuamos entregando valor e atingindo nosso propósito, mas apenas ajustamos os meios de entregar isso. Eram apenas através de produtos. Agora é a partir de conteúdos próprios e de parceiros. Ter essa clareza do por quê fazemos, o que fazemos, tornou esse momento menos difícil, e está preparando um terreno muito fértil para o futuro que estamos construindo. Portanto, fica a reflexão: como você entrega valor para o seu cliente? E o que você busca atingir com esse valor entregue?

 

Valeu e saúde pra todos nós.

Gostou? Show! Bora compartilhar com a galera?

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on twitter
Share on linkedin
Share on facebook
Share on email

Login

Nunca passou por aqui?